picture1

Trade-off

O Domingo é aquele dia quase abençoado, não fosse véspera de voltarmos ao trabalho e algumas vezes sinónimo de férias que terminam.

Mas eu gosto especialmente de Domingos.

Para muitos, as tardes são perfeitas para passear e apanhar sol, ou se chover, ficar pelo sofá a ver filmes e a ler. Para muitos e para mim. Mas o Domingo também é perfeito, para mim, para me dedicar à cozinha. Vem aí mais uma semana de trabalho, de treinos e ginásio.

Para alguns levo longe de mais esta minha “mania da organização” – dizem eles, mas este tempo de Domingo que perdi vai-me permitir estar mais tempo no ginásio  durante a semana e mesmo que tenha que sair mais tarde do trabalho, não haverá desculpas para um “Não tenho tempo”!

Portanto visto o avental e mãos à obra:

  • Frango no forno + batata doce;
  • Arroz no tacho;
  • Legumes a saltear no Wok;
  • Bifes de peru a grelhar;
  • Papas de aveia ao lume;
  • E a bem-dita sopa pronta a passar;

Parece que está quase tudo. As caixas vão se amontoando pela mesa da cozinha e vão se dividindo nas refeições da semana:

  1. Caixa com frango + batata doce + legumes salteados;
  2. Caixa com frango + arroz + legumes salteados;
  3. Caixa de peru com legumes
  4. Pequeno-almoço de papas de aveia prontas
  5. Sopa para as noites frias

Olho à volta e embora esteja numa perfeita desarrumação a cozinha, tranquiliza-me saber que estão prontas algumas das refeições da próxima semana.

Amanha quando sair do ginásio às 22h00 vou agradecer ter sacrificado uns raios de sol e umas horas de sofá.

No final eu ganhei. Trade-offs…

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.