Picture1

Não iria participar em mais nenhuma prova, até à derradeira de Junho, mas a de ontem era diferente.

Era por uma causa, era organizada pela Make a Wish, era Trail – o meu primeiro – e sobretudo porque iam alguns daqueles com quem tenho tido o privilégio de partilhar, não só as corridas, como também a minha vida.

  • 21:00H – Parque Eduardo VII, era dali que partiria rumo ao primeiro trail, ainda que Urbano.

Primeiros quiilómetros, nada de novo (a não ser a subida do Demo do Parque Eduardo VII). Pessoal bem disposto, temperatura agradável e a por conversa em dia com a minha querida Diana Pereira (a propósito, vão lá espreitar o blog dela cheio de pinta mysweetdii.wixsite.com/mysweetdi ) que ia com a missão de não me deixar sozinha.

Chegamos a Monsanto e começa a aventura. Se a súbida do Parque era do Demo, ali parecia ter chegado ao Inferno. Metade a correr, metade a andar.

Sorri, senti a prova e a energia dos que iam perto de mim – Por esta altura dois do grupo,  já deveriam estar a chegar à meta 🙂 !  Entreguei-me e decidi que iria terminar. Aquela perna não ia dar cabo de mim e lá fomos serra acima!! Consegui esboçar, no meio daquela odisseia, a admiração pela paisagem. Ao fundo, a noite na cidade era iluminada.

As tantas perco de vista os que estavam comigo. O “Filho da sogra” faz uma paragem técnica e daí em diante fiz-me acompanhar por um “senhor” que ia quebrando o gelo (como se não houvesse calor suficiente) com um “A que ritmo vamos?” ou “Quantos kilometros já passaram?”. Não gosto de falar enquanto corro, por isso as minhas respostas não eram suficientes para manter uma conversa, mas agradava-me ter a companhia de alguém ali por perto, afinal era Monsanto…e à noite.

Olhei por algumas vezes para trás na esperança de que estivessem logo ali. Mas era só a noite.

Pensei por algumas vezes que aquela prova daria um bom trailer – Mal eu sabia!!!!Picture2

Voltou o entusiasmo já nos últimos quilómetros quando passo por caras conhecidas, e metros mais à frente quando se juntam a mim o “Filho da sogra” e o Senhor Paulo (Que energia!!!).

22:30 estava eu a terminar mais uma prova com ele. Subimos novamente Parque Eduardo VII entre fotos e vídeos e de coração cheio! Estavamos a terminar o nosso primeiro trail de 15Km.

Diferente das provas que tenho feito, esta terá um lugar especial. Mesmo com todos os precalços, no final saimos todos vencedores! E sim, afinal aquele trail dava um bom trailer.

Muito obrigada pela experiência grupeta da corrida!!!! Obrigada pelos:”Estás bem?” “Como está a perna?” – Se isto não é espírto de equipa, não sei o que será….

A corrida só pode ser considerada um desporto individualista por quem nunca correu!!!

 

Isto sim é uma prova!!!!!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.